Stive: Funk de desabafo do bombeiro sem água(Major Burity)

11 de abril de 2011

Vídeo em homenagem ao Major Burity e um alerta para todas autoridades públicas pela falta de condições na segurança pública.

Anúncios

De alma lavada

7 de abril de 2011

É assim que nos sentimos, ao ouvir o Major Burity, de alma lavada. Não é possível que ninguém mais tenha coragem de dizer a verdade. Eu repudio esses “palhaços”, que usam o sindicalismo partidarista apenas para ser do contra e justificar sua falta de vontade de trabalhar. Mas ouvindo o major, nós nos congratulamos porque gostamos do que fazemos, mas estamos extremamente decepcionados com tudo o que está acontecendo.

Logo abaixo está o vídeo da Globo News, com o depoimento de Burity e em seguida alguns comentários recebidos via e-mail, no final um trecho da carta que fez o mesmo Burity, na época capitão ser preso em 2005.

Durante incêndio em um pavilhão de artesanato em Maceió/Alagoas, faltou viatura para operacionalizar o abastecimento de agua para apagar o fogo. O Major Burity, um dos militares mais conceituados do Corpo de Bombeiros de Maceió falou o que pensa sobre as políticas de governo do Estado de Alagoas e por conta disso foi preso. O bombeiro não tem outra missão, se não, SALVAR VIDAS. Por isso, nós bombeiros de Alagoas, pedimos encarecidamente a todas as pessoas de bem do nosso Brasil, que estão cansados das politicagens de nossos governantes que passem esse video adiante. Caso você já tenha sido salvo pelos Bombeiros, ou até mesmo pelo proprio Maj Burity, coloque seu depoimento e passe a frente. Pois para que o homem mal prospere, basta que os homens bons não façam nada.


Abaixo está o vídeo com o depoimento do Major, NAO É VIRUS, assista e forme sua opnião se você deseja denunciar o caos que vive Alagoas ou prefere compactuar com a tentativa de censura do Governador Teotonio Vilela.

Se você é jornalista e sofreu com a censura, PASSE ESSE EMAIL ADIANTE!!!
Se você já foi salvo pelo corpo de bombeiros ou teve algum parente salvo, PASSE ESSE EMAIL ADIANTE!!
Se você não aceita mais tanta enrolação e descaso dos governantes no Estado de Alagoas, PASSE ESSE EMAIL ADIANTE!!!!

Pois dessa forma estaremos mostrando nossa solidariedade a esse GUERREIRO, FORÇA BURITY!!!

Depoimento do Presidente da Assossiação dos Oficiais Militares de Alagoas:

“O major Buriti não ofendeu ninguém, simplesmente foi a voz de muitos bombeiros que querem falar e não têm coragem. A situação está insustentável, trabalhamos numa estrutura sucateada e se ninguém colocar a boca no trombone, nunca mudará. Não existe um Corpo de Bombeiros com dois carros tanque, apenas. Se tiver um problema mais sério em Maceió a sociedade estará totalmente desprotegida. Ele explodiu porque ninguém aguenta mais. Estamos por um fio”

Abaixo colocarei a carta feita por esse mesmo Major, onde denunciou já em 2005 o descaso do governo com a estrutura de Segurança Pública.

Em 2005, inconformado com a falta de investimentos na corporação, ele enviou um e-mail às redações dos jornais e TV’s fazendo uma espécie de ‘desabafo’.

No e-mail, ele fez a seguinte declaração: “Jamais conseguirei explicar a sensação de ser acordado a qualquer hora, tempo ou local para cumprir o meu juramento e pedir a Deus que, caso venha a morrer, seja salvando uma vida. Jamais conseguirei entender por que tenho de passar pela frustração de não conseguir explicar a meus homens o motivo pelo qual, num investimento de 10 milhões de reais em viaturas, não virá nada para o Corpo de Bombeiros. Jamais conseguirei explicar para meu soldado o porquê de num incêndio ele precisar revezar o capacete e respirar fumaça ao invés de ter o seu próprio equipamento de segurança, e quando passar mal ser atendido nos corredores lotados de um hospital”, disse ele.

E continuou: “Jamais conseguirei explicar para os meus homens o motivo pelo qual, em uma noite de futebol, onde a milionária Confederação Brasileira de Futebol (CBF) apresenta seus milionários craques, o Estádio Rei Pelé passa por uma reforma de 500 mil reais, enquanto o sargento Everaldo começa a enfrentar o câncer de pele adquirido nos 29 anos salvando vidas nas praias e sabendo que com muito menos que 500 mil reais eu construo postos cobertos e protejo aqueles que se orgulham de enfrentar a natureza para salvar vidas”, diz outro trecho.

E o militar também falou das condições de trabalho nos grupamentos bombeiros do interior do Estado: “O nosso pessoal também sofre muito no interior, geralmente eles não têm nem fardamento e têm de superar todas as dificuldades estruturais, como a falta de equipamento e de condições de trabalho”, completou.

Depois da divulgação do e-mail, Carlos Buriti, que à época, ainda estava na patente de capitão, ficou detido por cinco dias no quartel geral do Corpo de Bombeiros. Após esse prazo, ele ganhou liberdade pelo então decisão do juiz da Vara Militar James Magalhães, hoje desembargador do Tribunal de Justiça de Alagoas. Em seu despacho, o magistrado afirmou que a prisão do oficial era “ilegal” e “imoral”.