Dossiê, Polícia que mata também morre

Os heróis também morrem

Famílias de policiais mortos lembram-se deles como guerreiros e heróis

“Eu só tenho duas palavras para falar sobre meu pai: gratidão e orgulho”, disse Carolina Teixeira à reportagem do Jornal O Globo[1], como lamentação à morte de seu pai, o coronel da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro (PMERJ), Luiz Gustavo Teixeira, 48 anos, até sua morte era o comandante do 3º Batalhão responsável pelo Méier, bairro da Zona Norte da capital carioca.

Era mais um dia comum na cidade do Rio de Janeiro, 26out17, um coronel comandante e um cabo motorista, voltavam, em um veículo descaracterizado da Corporação, de uma cerimônia de troca de comando de outro batalhão, o 23º do bairro do Leblon.  Até que infelizmente, segundo a redação do Jornal do Brasil[2], no itinerário eles defrontaram-se com um “bonde”. Os criminosos iam iniciar um arrastão, quando avistaram o veículo com um policial fardado dentro e sem chance nenhuma para defesa, abriram fogo e disparam.

Coronel Teixeira, há 26 anos na PM e há dois no comando do 3º BPM do Méier foi morto. O policial motorista, cabo Ney Vilar Bastos Filho, conseguiu ainda esboçar alguma reação, efetuou disparos em resposta à ação criminosa e foi alvejado na perna. Segundo o que apurou o portal G1[3], a perícia encontrou 32 cápsulas de pistola espalhadas pela rua, o carro do comandante teria sido alvejado por pelo menos 19 tiros; seis no vidro da frente.

Fonte das imagens: Agência Brasil e Agência Globo [5]

Ambos foram socorridos para o hospital municipal Salgado Filho. O coronel, que já teria dado entrada morto, foi enterrado no dia seguinte, deixando esposa e dois filhos. Kátia Teixeira, a viúva disse ao Jornal O Globo[4] que “Meu marido não morreu em vão. Ele amava esse bairro e queria que fosse um lugar melhor. Ele colocava a farda todos os dias com amor e orgulho”, ela ainda completou dizendo que seu marido “queria proteger as pessoas” e que por isso “precisamos valorizar mais nossos policiais”.

Mas se há contundentes evidências de um estado de corrupção sistêmica dentro da Segurança Pública, >> Por que chamá-los de heróis? <<

 

Referências

[1] SOARES, Rafael. ‘Ele colocava a farda todos os dias com amor e orgulho’, diz mulher de coronel da PM assassinado no Méier. O Globo. Publicado em 10 out. 2017. Acessado em 04 nov. 2017. Disponível em https://oglobo.globo.com/rio/ele-colocava-farda-todos-os-dias-com-amor-orgulho-diz-mulher-de-coronel-da-pm-assassinado-no-meier-22010121#ixzz4xUWxC6eT.
[2] Jornal do Brasil. Comandante de unidade da PM no Rio morre vítima de atentado. Publicada em 26 out. 2017. Acessado em 04 nov. 2017. Disponível em http://www.jb.com.br/rio/noticias/2017/10/26/comandante-de-unidade-da-pm-no-rio-morre-vitima-de-atentado/.
[3] G1. Vídeos mostram fuga de bandidos e comandante caído logo após ataque no Méier. Publicada em 26 out. 2017. Acessado em 04 nov. 2017. Disponível em https://g1.globo.com/rio-de-janeiro/noticia/videos-mostram-fuga-de-bandidos-e-comandante-caido-logo-apos-ataque-no-meier.ghtml.
[4] Vide nota [1].
[5] Fonte das Imagens:
(1)  Imagens da Agência Brasil, Empresa Brasil de Comunicação (EBC). Fotos de Fernando Frazão. Enterro do comandante do Batalhão do Méier: galeria de fotos. Publicada em 27 out. 2017, às 19h07. Acessado em 04 nov. 2017. Disponível em http://agenciabrasil.ebc.com.br/geral/foto/2017-10/enterro-do-comandante-do-batalhao-do-meier-no-rio?id=1095829
(2) Imagens de  Agência O Globo. Fotos Fabiano Rocha. Disponível em https://oglobo.globo.com/rio/ele-colocava-farda-todos-os-dias-com-amor-orgulho-diz-mulher-de-coronel-da-pm-assassinado-no-meier-22010121?utm_source=WhatsApp&utm_medium=Social&utm_campaign=compartilhar 
[6] DE SOUZA, Josias. Comando da PM no Rio é acertado com deputado estadual e crime, diz ministro. UOL Notícias, Blog do Josias. Publicado em 21 out. 2017. Acessado em 04 nov. 2017. Disponível em https://josiasdesouza.blogosfera.uol.com.br/2017/10/31/comando-da-pm-no-rio-e-acertado-com-deputado-estadual-e-crime-diz-ministro/
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s